Dependendo da forma como usamos, armas podem matar ou salvas vidas. Dessa forma, bem como remédios, conforme a dosagem, um objeto pode se transformar em um veneno. Em casos assim, até mesmo armas letais podem se transformar em utensílios comuns.

Ao longo dos anos, mentes criativas desenvolveram algumas maneiras de transformar armas mortais, em "coisas comuns". Seja por arte, moda, ou ainda, razões práticas, os motivos são os mais diversos. Por isso, separamos 7 armas letais, que se tornaram utensílios comuns.

1 - Eletricidade

Em 1993, Estados Unidos e Rússia concordaram em desmontar grande parte do estoque nuclear. Dessa forma, todas as armas nucleares foram transformadas em barras de energia, que seriam vendidas para usinas americanas. Com isso, quem saiu ganhando foi a própria Rússia. "Esta é a única vez na história em que o desarmamento foi realmente lucrativo", disse Anton Khlopkov, do Centro de Estudos de Energia e Segurança da Rússia.

2 - Tratores

Publicidade
continue a leitura

No final da Segunda Guerra Mundial, agricultores franceses estavam com dificuldades para o plantio. Tudo porque suas máquinas, principalmente tratores, haviam sido destruídas ou ainda, enviadas para a Alemanha Nazista. Dessa forma, o exército francês solucionou o problema, ao converter tanques em mais de 3.000 tratores improvisados.

3 - O Anjo das Facas

Oficialmente, conhecido como "Monumento Nacional contra Violência e Agressão", o Anjo das Facas é uma estátua feita apenas de facas e lâminas. Com isso, para a construção da estátua de 7 metros, foram necessários mais de 100.000 facas e lâminas apreendidas e suspeitos de crimes, no Reino Unido.

4 - Recifes artificiais

Publicidade
continue a leitura

Os recifes de corais são extremamente importantes para a sobrevivência da vida subaquática. No entanto, eles estão sendo destruídos, por conta dos efeitos de mudanças climáticas. Por isso, atualmente, há uma série de projetos para construções de recifes artificiais, que utilizam vagões velhos de metrô. Contudo, na Jordânia, tanques militares, veículos blindados e helicópteros serviram para a criação de recifes artificiais.

5 - Ferramentas de jardim

O Swords to Plowshares (Espadas em Arados) é um programa da ONG RAWtools, que busca reduzir a violência armada. Dessa forma, as pessoas entregam suas armas, elas são cortadas e enviadas para o forno. Depois disso, elas são transformadas em pás, arados, enxadas, picaretas e espátulas. De acordo com o Mike Martin, fundador da ONG, o projeto foi inspirado em um verso do Antigo Testamento, que fala que, para o mundo ficar pacífico, as armas devem se transformar em ferramentas agrícolas. Com isso, podemos dizer que ele conseguiu cumprir sua missão.

6 - Fones de ouvido e relógios de pulso

Publicidade
continue a leitura

Atualmente, a IM é uma organização sueca que trabalha para transformar armas ilegais, em coisas novas. Contudo, em 2018, a empresa fez uma parceria com a Yevo Labs para transformar o metal em fones de ouvido. Além disso, no mesmo ano, com o metal "Humanium" foram criados uma série de relógios de pulso, com armas apreendidas em El Salvador.

7 - Panelas e frigideiras

Navios são feitos de aço. Dessa forma, quando não são mais utilizados, toneladas de aço bruto podem ser reciclados. Para se ter uma ideia, 95% do navio médio é completamente reciclável. Permitindo, assim, que esses navios se transformem em panelas e outros utensílios para a cozinha.

Isso foi o que aconteceu com um navio de guerra desmantelado, o "HMS Invincible". Depois de ser vendido, o navio rendeu um bom número de panelas. Contudo, a tarefa de cortar navios é extremamente difícil. Além de ainda ser perigosa. Por conta disso, muitas pessoas morrem enquanto tentam cortar navios, em pedaços todos os anos.

Publicado em: 01/01/20 19h36