O Brasil se assustou com as notícias nas últimas semanas. Isso porque estamos vivendo uma pandemia e, de repente, começaram a noticiar uma enorme nuvem de gafanhotos vindo em direção ao país. O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento passou a monitorar a nuvem de insetos que chegou à Argentina e se virou em direção ao Brasil. Segundo uma nota publicada, os gafanhotos estavam próximos à fronteira do nosso país. Se chegassem a cruzá-la, poderiam afetar de forma grave a atividade agrícola do estados do Sul. Felizmente, a nuvem mudou sua direção.

Ainda que cause bastante medo, a espécie Schistocerca cancellata não causa danos à saúde humana ou de animais. Além disso, não é um vetor de nenhum tipo de doença. No entanto, esses gafanhotos causam grandes danos à vegetação. O engenheiro agrônomo argentino Héctor Medina disse que esses insetos consomem uma quantidade de pastagem equivalente a 2 mil vacas ou 350 mil pessoas. Essa não é a primeira vez que o mundo se depara com um fenômeno desses. Em várias partes da história, gafanhotos causaram grandes estragos pelo mundo. Trouxemos alguns dos principais. Confira conosco e surpreenda-se.

Piores episódios de nuvem de gafanhotos da história

1 - Egito (1400 a.C.)

A infestação de gafanhotos é conhecida por religiosos por ser a oitava praga bíblica. De acordo com o Livro Sagrado, essa trata-se de uma das 10 pragas enviadas por Deus para castigar os egípcios. Isso porque eles adorava outros deuses e escravizavam o povo de Israel. Deus então mostraria estar no comando ao dizimar colheitas. "Eles cobriram a face de toda a Terra, de moto que a terra ficou escura. Então comeram todas as plantas e todo o fruto das árvores que o granizo havia deixado. Não restou coisa verde, nem árvore, nem planta do campo, por toda a terra do Egito", diz o Êxodo.

Publicidade
continue a leitura

2 - Estados Unidos (1874)

Em 1874, mais precisamente no verão daquele ano, milhões de gafanhotos infestaram o céu de Kansas, no estado de Nebraska. De acordo com os moradores, os insetos eram tantos que bloquearam o Sol por várias horas. Esse enxame consumiu campos de cultivo, a vegetação, as árvores e até lã das ovelhas. Foram, no total, 200 milhões em danos às colheitas.

3 - Egito (2004)

Em 2004, nuvens assustadoras de gafanhotos assustaram os moradores do Cairo. Eles chegaram da Líbia após terem provocado sérios danos no norte da África. Os insetos foram levados por ventos fortes e por causa das condições climáticas.

Publicidade
continue a leitura

4 - México (2006)

Cancún é um dos maiores destinos turísticos do México. O lugar sofreu com os gafanhotos em 2006. 4 grupos de insetos avançaram pela península de Yucatán. As autoridades locais precisaram usar toneladas de produtos químicos para combater a praga, que chegou à plantação de milho. O pior é que o país estava se recuperando do furacão Wilma.

5 - Israel (2013)

Os insetos também invadiram o sul de Israel em 2013. Os gafanhotos foram do Egito e infestaram casas e vilarejos, além de dizimar plantações. No início da invasão houve diversas tentativas de dedetização por parte das autoridades, no entanto, não adiantou. Os habitantes foram instruídos a vedar as estufas e as casas até que os bichos fossem embora.

Publicidade
continue a leitura

6 - Leste da África (2019/2020)

Países dessa região africana viveram um surto de gafanhotos entre o fim de 2019 e começo de 2020. Isso ameaçou a alimentação de milhões de pessoas em locais na Somália, Etiópia e no Quênia. Segundo os especialistas, eles apareceram por causa do clima úmido da região, combinando com ciclones que atingiram o lesto da África e a Península Arábica.

E aí, o que você achou dessa matéria? Comente então pra gente aí embaixo e compartilhe com seus amigos. Vale sempre lembrar que o seu feedback é extremamente importante para o nosso crescimento.

Publicado em: 30/06/20 14h04