Para muitas pessoas ao redor do mundo, a tecnologia 5G é apenas um sonho distante. No entanto, enquanto isso acontece, a China já está dando os primeiros passos para desenvolver o primeiro satélite de 6G do mundo. De fato, podemos afirmar que o futuro chegou.

Até o momento, ainda não está claro o que será o 6G. Isso porque, o setor de telecomunicações ainda não decidiu as especificações da rede. De toda forma, previsões apontam que o 6G será lançado por volta de 2030, quando o 5G não for mais adequado para as nossas necessidades. Dito isso, já existem diversos estudos que apontam possibilidades para a tecnologia. Porém, vale lembrar que apenas possíveis ideias sobre seu conceito foram desenvolvidas.

Previsões afirmam teremos acesso ao 6G por volta de 2030

Publicidade
continue a leitura

Ainda é cedo para falar de 6G, mas a China já está dando os primeiros passos nessa corrida. Dessa forma, engenheiros chineses afirmam que o satélite, desenvolvido em conjunto pela Chengdu Guoxing Aerospace Technology, a Universidade de Ciência Eletrônica e Tecnologia da China e a Beijing Weina Xingkong Technology, pode aumentar drasticamente a velocidade dos dados. E que, em breve, poderemos testemunhar o funcionamento tecnologia 6G.

De acordo com a BBC, neste caso, as velocidades mais altas são alcançadas por meio do uso de ondas Terahertz. Para se ter uma ideia, isso exigiria que modificássemos ou substituíssemos os equipamentos que usamos. Ou seja, precisaríamos criar novas antenas e chips.

Onde já existe tecnologia 5G, ondas de rádio de alta frequência são usadas para transportar dados em torno de 28 e 39 GHz. Essas bandas têm capacidade maior do que as redes celulares anteriores, que funcionam entre 700 MHz e 3 GHz na banda de micro-ondas. Da mesma forma, o 6G precisará de uma nova infraestrutura. Contudo, como a introdução do 5G ainda não está amplamente difundida devido ao investimento substancial que requer, essa mudança poderá levar mais tempo do que estimamos.

Publicidade
continue a leitura

O que irá melhorar na mudança do 5G para 6G?

No futuro, a mudança para 6G provavelmente também trará alguns desafios sociais. Isso acontece porque o 5G se tornou o assunto de muitas teorias da conspiração no último ano. Em meio a muitas notícias falsas, as pessoas estão falsamente ligando a tecnologia à causa da atual pandemia de Covid-19.

Publicidade
continue a leitura

Em um estudo recente, foi descoberto que 8% dos moradores do Reino Unido acreditavam que a Covid-19 estava ligada a tecnologia 5G. "Isso não é surpreendente, dado que muitas das informações nas mídias sociais são enganosas ou totalmente erradas", afirma Daniel Allington, um dos autores do estudo. "Agora que algumas das regras de isolamento estão sendo relaxadas, as pessoas terão que tomar cada vez mais suas próprias decisões sobre o que é seguro ou inseguro", completa.

Voltando para a China, o primeiro satélite de 6G do mundo foi lançado ao lado de outros 12 satélites que serão usados ??para observações da Terra. Além de dar os primeiros passos na tecnologia, esses satélites ajudarão em desastres de safras e no monitoramento de incêndios florestais. Por fim, vale lembrar que, até o momento, não houve teorias de conspiração envolvendo 6G. De toda forma, basta esperar, logo as teorias chegarão.

Publicado em: 22/11/20 02h02